Nas – Every Ghetto Lyrics

(Verso 1 - Nas)
Bênçãos da vida para as crianças, eles dizem que a vida é como cinco dias
Palavras de um velho de cabelo prateado, em sua cadeira de rodas
Seus olhos estavam sangrando ao descrever o que está diante de mim
Disse que vadias más e homens ciumentos tentariam me destruir
Ocorreu-me, as palavras deste velho mano não poderiam ser mais reais
Estou no topo agora, com o menor drama, vou ter que te matar
Porque animais sentem fraqueza, tubarões cheiram sangue na água
Ismael, Moisés e Jó conheciam a ordem divina
S**t é material plástico, sem vida
Eu bato chicotes e deixo não importa o preço
Enquanto eu sobreviver, pegue um novo cinco
Circule o quarteirão onde a carne está
E estacione na frente dos olhos do meu inimigo
Eles vêem que é guerra nós ladrões de vida, caçadores de chumbo de ponta oca
Não há céu ou inferno, morto está morto, filho da puta
E sua alma está com Deus, sua mente continua espreitando a terra
Assistindo seu próprio assassinato ocorrer novamente

(Refrão - repita 2X)
Para sempre luta, cada faixa e cada gueto
Para cada mano carregando dor interior e heavy metal
Para cada criança que nasce, e cada mano se foi
E para cada respiração que eu respiro e vivo para ver outra manhã

(Verso 2 - Blitz)
É Blitz, mano, a glória das ruas, muitos morrem por mim
Foi batido, recusou de 3 a 9, foi a julgamento por mim
Basicamente, eu sou apenas a realidade, carregada de histórias sujas de luxúria
Ganância e desprezo, nenhuma rua está isenta
Tiros de clipe estendidos, capuzes barricados por 6 blocos
Eu bebo shots, vendo os traficantes jogarem pedras
Pinturas a óleo da minha dor, ilustram a cidade em vão
Caindo nas profundezas do jogo
Isto é para o estado de espírito mais doente, nestes tempos fatais
Crimes de colete, noves niquelados e manos para o centavo
Ouça os sons dos bebês chorando, ainda estou dizendo por que residimos
No gueto com um milhão de maneiras de morrer
Ficar alto para aliviar a dor, respirando no jogo
Exalando culpa pecado e vergonha, miséria e tensão
O que diabos amanhã trará sorte ou antraz
Eu me afasto, esperando sobreviver amanhã



(Verso 3 - Nas)
Minha pele é uma galeria de arte, bem com pinturas de crucifixos
Esperando me salvar de todos os perigos da indústria da música
Era uma vez um jovem gangsta pendurado com jovens infratores
Mas desde que eu provei papel começou a perder as amizades
Observando as crianças congelarem no inverno, elas ainda são pobres
Como eu poderia provocá-los com Benz e não sentir remorso
Passando por eles de maneira animada, cores de diamantes se chocando
Pedras vermelhas, pedras azuis, ossos vermelhos e pretos
Porra, eu esperava com assentos de balde em um Lex
E passar o tempo em Chuckie Cheese com Little Des
Tenho armas quando estou com minha filha
Odeio trazer uma aura violenta em sua presença
Ela sabe o que papai lhe ensinou, são lições
Princesa negra é um mundo feio
Eu coloquei minha vida pela sua, veja, eu amo aquela garota
Você poderia acreditar que até minha sombra está com ciúmes
Minha pele está brava com minha carne, minha carne odeia meus próprios ossos
Meu cérebro odeia meu coração, meu coração faz as músicas
Embora minhas canções venham do Pai
Estou solitário
Segure-me, está ficando mais escuro

(Repete Refrão 2X)

Top